Segurança no playground – até que ponto é necessária e apropriada?

O que é necessário para fazer de um playground um local de desenvolvimento adequado? Quando eles são perigosos? Qual o papel que os pais devem desempenhar nesse contexto? Eles deveriam se sentar e assistir seus filhos?

A maioria dos playgrounds têm equipamentos padronizados, como: escalada, escorrega, balanço e gangorras, e, com eles, “várias maneiras” pelas quais podem ser usados. A maioria das crianças são muito inventivas e dessa forma, quando se trata de usar um equipamento, muitas vezes o utilizam demaneira que não era originalmente destinada. Por exemplo, um escorrega, pode se transformar em uma montanha que precisa ser escalada.

 

Este “desrespeito” para as “regras” e o uso repetidamente diferente dos equipamentos é muito importante, pois o processo de aprendizagem em cérebros das crianças é promovido quando estão expostas a novas experiências – quando, por exemplo, elas encontram uma nova maneira de chegar ao topo do escorrega. Mas muitos pais acham isso errado, potencialmente perigoso e interveem a brincadeira. Eles estão, é claro, preocupados que seus filhos possam se machucar e querem protegê-los.

Entretanto, todos nós quando crianças gostávamos de explorar novos horizontes, pois é uma coisa comum e instintiva. Sendo assim, para se desenvolver normalmente, as crianças precisam aprender a avaliar o próprio risco e devem descobrir por si mesmas como superar situações que representam um desafio para elas sem a ajuda de seus pais. Se elas são simplesmente expostas a um ambiente a partir do qual todo o risco potencial foi removido, elas nunca poderão aprender a avaliar corretamente suas próprias habilidades e limitações, não terão autoconfiança e autoeficácia de completar tarefas e alcançar objetivos. E, até mesmo, cair é algo que se precisa aprender! Em algum momento, os pais inevitavelmente não serão mais úteis e o déficit em termos de experiência pode tornar uma situação muito perigosa.

Então, o que os pais devem fazer quando se trata da segurança de seus filhos nos playgrounds?

Em primeiro lugar, é necessário dar uma boa olhada no playground. Se alguma coisa parece estar com problema, informe ao responsável pelo espaço para que os defeitos possam ser consertados.

 

Por regra, no entanto, você pode assumir que o equipamento do playground está em conformidade com os requisitos do padrão europeu ou americano e é submetido a inspeções de segurança regulares, pois é obrigação legal do responsável obter a certificação necessária.

Também é interessante remover qualquer corrente ao redor do pescoço, anéis nos dedos ecordões na roupa. Uma criança não consegue levar em consideração esses riscos e se proteger.

Agora, a diversão pode começar! Embora saibamos que isso pode ser difícil para você, é preciso tentar deixá-los e prestar assistência somente se o seu filho pedir. Tente intervir apenas se ele estiver em perigo de verdade (em outras palavras, não só quando seu filho corre o risco de cair). Você precisa permitir, pois como seu filho poderá perceber que eles passaram dos limites ou fizeram algo errado? As crianças aprendem com seus erros e, se caírem na areia por exemplo, só sofrerão pequenas feridas (pequenos arranhões, algo muito superficial).

Os riscos perceptíveis estão lá para desafiar as crianças e encorajá-las a descobrir quais são as suas próprias limitações!

Seu filho será mais feliz se você não se sentar e assistir, mas participar ativamente e compartilhar das aventuras. Ele irá dizer-lhe exatamente o que eles pretendem. Tenha em mente que as crianças não se expõem de propósito ao perigo – eles são bastante capazes de avaliar o risco e descobrir quais são seus próprios limites. Ao mesmo tempo, este é um processo de aprendizagem que requer tempo e espaço.

É aconselhável oferecer ao seu filho oportunidades suficientes desde o início para conseguir entrar em seu próprio passo. Você verá sua autoconfiança e sua capacidade de dominar desafios crescerão.

 

Tenha confiança nas habilidades de seu filho!

Texto retirado do site https://www.oikotie.com.br/ com autorização da representante deles a Arquiteta Luciane Bueno!

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s