Como e porque decidi não saber o sexo do baby3 (durante a gestação)!!!

Bom eu sabia que estava grávida desde a concepção, mas não me permitia aceitar, eu tomava anticoncepcional contínuo, porem fiquei dois dias sem tomar, quando falei pro meu marido que achava q tinha engravidado naquela noite ele disse: Ahh tu esta ficando louca!! Mas eu sabia, não sei como, mas eu sabia, umas 2 semanas depois resolvi fazer um teste de farmácia, deu negativo, eu desacreditei! Nos mudamos, de casa, de cidade e de estado! Quando chegamos aqui na casa nova, eu insisti que queria fazer outro teste de farmácia, mas sabe como é comunidade pequena, queria comprar o teste numa farmácia mais longe! Passou mais umas duas semanas ate que o marido comprou um teste e eu fiz e TCHARAN!!! DOIS RISQUINHOS COR DE ROSA!!!teste

Depois de cair a ficha da gravidez, eu logo em seguida falei pro Lucas (meu marido): Amor acho que não quero saber o sexo(ou gênero) deste bebê, o que tu acha? Ele super curtiu a idéia, porém conversamos que se no meio do turbilhão de hormônios decidíssemos saber isso não seria nenhuma frustração ou problema! Só que naquele momento a nossa decisão era de não saber, até o nascimento, pois pouco nos importava, estávamos realmente felizes em ter nosso baby3!
Demoramos pra contar sobre a gestação para as famílias, pois como era “nosso” terceiro queria contar pessoalmente pra minha vó que estava por vir nos visitar (já que nos mudamos de estado, não era tão fácil), as pessoas tendem a se assustar com o numero 3! A minha família no geral tem 1 ou 2 filhos, são raros os que tiveram mais de 2!Quando contamos pra minha vó aí liberamos pra geral, até pq estávamos muito felizes, sempre quisemos ter o terceirinho, porém pensávamos em esperar mais um pouco, mas o universo é perfeito e conspira muito ao nosso favor, nossos pensamentos tem um poder enorme, esse bebê veio no momento certo, não descobri a gestação antes de me mudar, porque isso mudaria o rumo das coisas, só descobri a gestação depois de estar com a nova casa “organizada”, o filho do meio matriculado na escolinha, marido começando no trabalho, enfim tudo já se ajeitando!

12162211_1019096198153126_936834782_o

E cada dia que passava eu tinha mais convicção que o sexo do baby3 não fazia diferença nenhuma, eu não ia preparar super enxoval, não pretendia montar quarto, estava decidida a ter uma dupla emoção na hora do nascimento, ter o meu sonhado parto e ainda descobrir se eu teria mais uma princesa ou outro príncipe??
Minha filha mais velha, a Clarissa (9 anos) queria a todo pano que eu fizesse uma eco pra saber o sexo do baby3, ela ficou muito curiosa, mas com o passar do tempo foi observando e pouco importava, e que ela já amava o(a) maninho(a), com o Benjamin (2a 6m) não tivemos esse problema, ele pouco se liga, e ainda não entende que da pra fazer um exame pra saber , nas ultimas semanas ele tem estado agoniado que o bebê não “aparece”, foi a forma que ele encontrou de dizer que o quer o baby3 juntinho logo (acho fofo), ele diz assim: neném vem logo ta, to te esperando!Tchau beijo! Tudo do jeitinho dele!
A Clarissa pegou a mesada dela e comprou um hidratante pra dar de presente pro baby3, pq ele ia nascer e ela, a irmã mais velha, não ia ter dado nada pra ele(ela)…achei fofo tb! Enfim estamos muito bem amparados de irmãos!!!

As pessoas nos cobram, ahhh as pessoas nos cobram, todos querem saber, perguntam, insistem, mas sinceramente isso só reforça a vontade de ter a dupla surpresa! Temos nosso palpite, CLARO! Mas pra saber mesmo só quando o baby3 decidir vir ao mundo, acho que falta bem pouco agora, já estamos com 38s+6d.

O Enxoval:
Desde o descobrimento da gestação, minha idéia sempre foi que esse bebê seria bem mais sustentável que a Clarissa e o Benjamin foram, os dois por terem sido os primeiros netos das respectivas famílias paternas,  ganharam muitas coisas, e muitas coisas desnecessárias, roupas que nem usei, fraldas descartáveis que acabei doando, mais de um utensílio (a Clarissa ganhou 3 banheiras), roupas e mais roupas… enfim não estava nessa vibe de me encher de coisas desnecessárias, ou de gastar o que tinha e o que não tinha!
Quando comecei a contar para as amigas, já fui avisando olha guardem as roupinhas dos bebês, vamos reutilizar tudo que for possível, aí surgia a pergunta mas eu teno um menino e se for menina? Ou vice versa! Minha resposta sempre foi a mesma, vamos usar roupas, e não plaquinhas de gênero… Claro que vou usar o bom senso e se nascer um menino, não vou colocar um vestido (até que ele possa escolher o que usar, pelo menos), mas sim nosso filho vai usar muitas cores… temos um arco Iris inteiro pra ususfruir! Ganhei praticamente tudo, pra não dizer que não compramos nada, fomo numa loja comprar 4 conjuntos de body e calça, e eu em um acesso de consumismo comprei um sapatinho (estava na promoção), o sapato é de menina nem sei se vou usar, se nascer um menino vou fazer um sorteio no blog! O enxoval esta lindo cheio de cores, todo prontinho só esperando o baby3!

12116152_1019096881486391_695131636_o

12162065_1019096928153053_1282672010_o

O “quarto”:

O baby3 não vai ter quarto, moramos numa casa de dois quarto, onde ficamos assim a Clarissa tem um quarto dela e o Benjamin divide conosco o quarto (e a cama as vezes, quase sempre), o baby3 a principio vai dormir num moises que era do Benjamin, no lado da nossa cama (ou vai dormir na nossa cama, vamos ver como acontecem as coisas), e como nossa casa hoje é alugada, e pretendemos construir uma casa em breve (se o universo conspirar a nosso favor) aí teremos a oportunidade de fazer um quarto para cada um de nossos, filhos e quem sabe já com suas preferências e identidades bem pessoais! Eu tinha escolhido um “tema” caso fossemos decorar alguma coisa do baby3 (acabou não rolando) seria Nuvens, eu achei varias idéias, que estão salvas (no celular por que a cabeça esta ruim, viu), e quem sabe logo colocamos algumas idéias em prática, posso até postar aqui se sair alguma coisa legal!!!

Como resistir as perguntas:
1. Quando perguntam, qual o sexo, digo q vamos saber só na hora.
2. Se a pessoa for muito insistente, digo (mentirinha) que o bebê não quis se mostrar.
3. Se ainda assim a pessoa sugerir q eu faça uma eco so pra saber o sexo,  falo que optamos por esperar, já que nosso bebê quer nos fazer surpresa!
PS.: Sim existem pessoas que insistem, e ficam mais curiosos que os próprios pais!
Estou muito contente em estar esperando o baby3, sem saber qual é o sexo, estou mais feliz ainda em ter conseguido fazer um enxoval mega sustentável,  já que ganhamos a maioria das roupinhas, e eu não tive nenhum (ou melhor um só) ataque e de consumismo, estou feliz com nossas escolhas em relação a gestação e ao nascimento do nosso terceiro filho, feliz com as nossas escolhas de vida!

O que eu mais aprendi com essa gestação foi a lidar com a ansiedade, ou melhor deixá-la de lado, saber viver um dia de cada vez, curtir cada momentinho pequeno, olhar as estrelas e a Lua, ver cada pôr do sol como sendo único, me conectar com meu corpo e com o meu bebê!
Enfim viver cada momento como sendo único!

12116243_1019096938153052_213456374_o

Gostaria de agradecer, ao meu marido (vou ser repetitiva, mas sem ele nada seria possível), agradecer as minha amigas Daniela e Tanise (não vejo a hora de dar um abraço bem apertado em cada uma), pois esses últimos meses tive picos de produtividade, mas na maioria não atingi o objetivo de atenção necessária ao CdM, mas prometo que mesmo com a chegada do baby3 vou tentar me dedicar ao máximo a esse Grupo, página e Blog que dão sentido a minha vida!
Preciso agradecer aos meus filhos, por serem crianças iluminadas, e me aceitarem como eu sou, assim cheinha de defeitos!

Andressa, mãe da Clarissa (9anos), Benjamin (2a 6m), e a espera do baby3 (39 semanas), moderadora do CdM e me aventurando nessa vida de blog (e amando)!

Anúncios

3 comentários

  1. Feliz da vida em ler tanta coisa “bunita”!
    Mulher empoderada sabe seguir seus instintos!!
    Os filhos nos escolhem por nossas qualidades e aceitam nossos defeitos, e ai acontece a nossa evolução.
    Inspiradora sua trajetória 😍

    Curtir

  2. Assim não vale!!!! Me fazer chorar no meio da tarde, entre um atendimento e outro é muita sacanagem!!!!!! Emocionante teu relato!!! E vou querer esse abraço bem rápido!

    Curtir

  3. Lindo depoimento Dessa, eu sei bem o que é ter 3, nós sempre planejamos este número, mas as pessoas sempre se espantam. Segui meu instinto e estou muito feliz, pois sempre sonhei com uma família grande e unida. Não é fácil, as vezes “quase sempre” bem cansativo, mas ver o jeitinho de cada um, e a cumplicidade que eles tem, me deixam cada dia mais certa, de que não poderia ser diferente. Não saber o sexo, não deve ser fácil, mas como todas as nossas mães fizeram? Isto não perde a magia, e pelo contrário, me deu até vontade de ter o baby4, só para ter esta experiência…(brincadeirinha) 3 para mim, tá muito bom…

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s